Barack Obama assume cargo de editor na revista "Wired"

Durante o mês de outubro, o presidente dos Estados Unidos assume funções de editor na publicação. Cibersegurança e inteligência artificial são alguns dos temas que irá desenvolver

Barack Obama prepara-se para abandonar a cadeira de presidente na Casa Branca e já tem um novo trabalho em agenda. Em vésperas das eleições presidenciais norte-americanas, o ainda presidente dos EUA será o novo editor-chefe da revista Wired, especializada em tecnologia. Obama passará o mês de outubro a preparar a edição de novembro da publicação.

Esta será a primeira vez que um presidente assume funções de editor nesta ou em qualquer outra revista, facto que a direção da Wired faz questão de sublinhar, antes de explicar quais os objetivos definidos por Obama. "É a primeira vez que um presidente assume funções de editor convidado na Wired. Tal como nós, o 44º presidente dos EUA é um otimista. Ele quer focar-se no futuro - nos obstáculos que a humanidade terá de ultrapassar para seguir em frente", pode ler-se no comunicado oficial.

Preparado para explorar as "possibilidades das fronteiras" e trabalhar as potencialidades da tecnologia da informação na liderança política, Obama irá adotar como foco de trabalho questões ligadas às "fronteiras nacionais e internacionais", "cibersegurança", ou ainda "inteligência artificial".

A edição de novembro da revista está disponível nas bancas a partir de 25 de outubro e a iniciativa decorre à margem de uma conferência na Casa Branca, "conferência de fronteiras", que contará com a presença do presidente dos EUA. O evento decorre em Pittsburgh, a 13 de outubro.

Com as eleições presidenciais norte-americanas agendadas para 8 de novembro, este poderá ser um dos últimos trabalhos enquanto presidente dos Estados Unidos. Depois de oito anos no poder, Obama abandona a Casa Branca a 27 de janeiro de 2017, aos 55 anos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG