Torneio de voleibol jovem leva 2.000 atletas a seis concelhos da zona de Coimbra

Miranda do Corvo, Coimbra, 25 jun 2019 (Lusa) - Mais de 2.000 atletas de 12 nacionalidades participam no 20.ª torneio de voleibol jovem Summer Cup, que se realiza em seis concelhos da Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, de 03 a 07 de julho.

"É uma edição marcada, uma vez mais, pelo recorde de equipas que vamos ter, que é uma constante desde há 10 anos. Às vezes, custa até a acreditar que há 20 anos iniciámos o torneio com oito equipas e que agora vamos ter 159 e 2.100 atletas", enfatizou à agência Lusa Luís Vidal, responsável do torneio, hoje apresentado em Miranda do Corvo.

Mais de metade (55%) das equipas participantes são estrangeiras, o que "é um fator que nos honra bastante e que traduz a qualidade do torneio", acrescentou.

"É uma variedade enorme de países e culturas, o que poderá fazer cumprir um dos objetivos do torneio, que é a socialização dos praticantes de voleibol, que vão conhecer outras culturas e realidades, o que é sempre positivo", salientou Luís Vidal.

O torneio Summer Cup vai realizar-se nos municípios de Lousã, Miranda do Corvo, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Góis e Vila Nova de Poiares, em sistema de rotatividade das equipas, para que todas fiquem a conhecer os concelhos envolvidos.

Além da competição, o evento inclui várias festas para os participantes e uma tarde em que as equipas vão para as praias fluviais que existem naquele território "e ficam a conhecer melhor a região".

"Temos um 'feedback' muito importante de empresas de alojamento e restauração de que este torneio ajuda a promover o turismo", frisou o responsável da organização, salientando que os 2.100 atletas deverão vir acompanhados de mais "500 ou 600 pessoas", sobretudo familiares.

Luís Vidal salientou ainda a ligação "muito forte" entre o desporto federado e escolar, "que dá um apoio muito importante", permitindo que os atletas fiquem alojados nas escolas, onde tomam as refeições.

"Só assim se consegue montar um torneio com esta dimensão", sublinhou.

O Summer Cup é coorganizado pelo Lousã Volley Clube e o Agrupamento de Escolas da Lousã, com o apoio dos seis municípios envolvidos, da Associação de Voleibol de Coimbra e da federação portuguesa da modalidade.

Exclusivos

Premium

Alentejo

Clínicos gerais mantêm a urgência de pediatria aberta. "É como ir ao mecânico ali à igreja"

No hospital de Santiago do Cacém só há um pediatra no quadro e em idade de reforma. As urgências são asseguradas por este, um tarefeiro, clínicos gerais e médicos sem especialidade. Quando não estão, os doentes têm de fazer cem quilómetros para se dirigirem a outra unidade de saúde. O Alentejo é a região do país com menos pediatras, 38, segundo dados do ministério da Saúde, que desde o início do ano já gastou mais de 800 mil euros em tarefeiros para a pediatria.