Proteus quer controlar negócio da Oitante que gere ativos do Banif - Concorrência

A Autoridade da Concorrência (AdC) foi notificada da intenção da gestora de créditos Proteus de controlar o negócio de gestão de créditos e ativos imobiliários da Oitante, entidade que ficou a gerir os ativos tóxicos do Banif.

O aviso da AdC, hoje publicado na imprensa, recorda que a Proteus é detida a 100% pela Altamira Asset Management, entidade de gestão de ativos imobiliários e de crédito malparado em Espanha, que por sua vez é controlada por fundos geridos pela Apollo, que, em Portugal, está sobretudo presente na atividade seguradora, através das Seguradoras Unidas.

Com o controlo do negócio da Oitante, sociedade veículo criada na sequência da resolução do Goevrno da República e do Banco de Portugal, que ficou com ativos do BANIF não adquiridos pelo Santander Totta, a empresa espanhola especializada em gerir ativos de terceiros dá um passo para a internacionalização e para replicar o negócio espanhol em outros mercados.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG