Viseu Dão Lafões cria gabinete florestal intermunicipal

A Comunidade Viseu Dão Lafões anunciou hoje que tem em funcionamento permanente um Gabinete Técnico Florestal Intermunicipal com a missão de articular e harmonizar políticas florestais com as autarquias e implementar ações estabelecidas em diplomas legais.

Segundo um comunicado da comunidade, que cita o secretário executivo, Nuno Martinho, o gabinete irá desenvolver o seu trabalho em articulação com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e será financiado pelo Fundo Florestal Permanente.

"Terá como missão principal a articulação e harmonização das políticas florestais, para a região, em estreita parceria com os Gabinetes Técnicos Florestais Municipais", lê-se.

A informação no documento explica ainda que o gabinete surge no seguimento da estratégia desenvolvida pela CIM Viseu Dão Lafões "ao longo dos últimos anos para a área da proteção civil intermunicipal".

Neste sentido, tem como objetivo "articular a implementação das ações estabelecidas nos diversos diplomas legais e planos relativos a políticas florestais" na região abrangida pela comunidade, que engloba 14 municípios, 13 do distrito de Viseu e um da Guarda.

"O Gabinete Técnico Florestal Intermunicipal terá, ainda, como missão a definição do modelo de compatibilização dos Planos Diretores Municipais com o Plano Regional de Ordenamento Florestal Centro Litoral, recentemente aprovado", refere.

Segundo o comunicado, o funcionamento permanente deste gabinete Técnico Florestal "permitirá que a comunidade melhore a qualidade da informação relativa à defesa da floresta, que consta do seu SIG (Sistema de Informação Geográfica) Intermunicipal".

Exclusivos