Sporting abre época de hóquei em patins com Turquel na Elite Cup

O Sporting, campeão nacional de hóquei em patins, vai defrontar o Turquel nos quartos de final da Elite Cup, torneio de pré-época que vai decorrer em Portimão, entre 28 e 30 de setembro.

O sorteio, realizado hoje no Museu de Portimão, definiu que a partida de abertura da prova, no dia 28, às 14:00, vai opor os 'leões' à equipa do concelho de Alcobaça, 9.ª classificada na última edição do campeonato nacional.

"É um grande torneio de início de época. O Sporting entra em jogo sempre para ganhar e é com essa ambição que estaremos aqui", disse Pedro Gil, capitão da equipa 'leonina', enquanto o capitão do Turquel, Vasco Luís, também garantiu a ambição máxima da sua equipa para "bater o campeão nacional".

Benfica-Paço de Arcos (16:00), Oliveirense-Sporting de Tomar (18:00) e Valongo-Juventude de Viana (20:00) serão as outras partidas dos quartos de final da prova, também no dia 28.

No dia 29, os vencedores dos jogos Sporting-Turquel e Valongo-Juventude de Viana disputam a primeira meia-final (17:00), enquanto a outra semifinal (19:00) será disputada entre os vencedores dos encontros Benfica-Paço de Arcos e Oliveirense-Sporting de Tomar.

A final está marcada para domingo, 30, às 15:00, já depois de as outras seis equipas terem disputado as partidas que definirão a classificação final, do terceiro ao oitavo lugares da competição.

A Elite Cup, organizada pela Associação Nacional de Clubes de Patinagem (ANCP), vai disputar-se no pavilhão gimnodesportivo de Portimão e não no Portimão Arena, como estava inicialmente previsto.

"Por questões logísticas, devido ao atraso da entrega do material para o piso, decidimos mudar o torneio para o pavilhão gimnodesportivo, que terá todas as condições. Em 2019, ano em que Portimão será Cidade Europeia do Desporto, teremos a prova no Portimão Arena", garantiu Rui Carvalho, presidente da ANCP.

O dirigente esclareceu ainda a ausência de FC Porto e Óquei de Barcelos, terceiro e sexto classificados no último campeonato nacional, justificando com o facto de no mesmo fim de semana estarem envolvidos na Taça Continental.

"Já tínhamos marcado a Elite Cup para essa data e fomos surpreendidos pela marcação da Taça Continental para uma data fora do calendário oficial. Já não podíamos adiar, mas o FC Porto e o Óquei de Barcelos estarão a representar o país, e bem, numa competição internacional", sublinhou.

Rui Carvalho disse que a Elite Cup pretende ser "uma grande festa de promoção da modalidade" na região, revelando que serão realizadas ações promocionais junto de jovens crianças das escolas de Portimão.

O sorteio contou com a presença de seis dos oito capitães das equipas participantes, além da vereadora da Câmara de Portimão, Teresa Mendes, que realçou a necessidade de "diversificar" a oferta desportiva do concelho, a poucos meses de este ser anfitrião da Cidade Europeia do Desporto.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

Islamofobia e cristianofobia

1. Não há dúvida de que a visita do Papa Francisco aos Emirados Árabes Unidos de 3 a 5 deste mês constituiu uma visita para a história, como aqui procurei mostrar na semana passada. O próprio Francisco caracterizou a sua viagem como "uma nova página no diálogo entre cristianismo e islão". É preciso ler e estudar o "Documento sobre a fraternidade humana", então assinado por ele e pelo grande imã de Al-Azhar. Também foi a primeira vez que um Papa celebrou missa para 150 mil cristãos na Península Arábica, berço do islão, num espaço público.

Premium

Adriano Moreira

Uma ameaça à cidadania

A conquista ocidental, que com ela procurou ocidentalizar o mundo em que agora crescem os emergentes que parecem desenhar-lhe o outono, do modelo democrático-liberal, no qual a cidadania implica o dever de votar, escolhendo entre propostas claras a que lhe parece mais adequada para servir o interesse comum, nacional e internacional, tem sofrido fragilidades que vão para além da reforma do sistema porque vão no sentido de o substituir. Não há muitas décadas, a última foi a da lembrança que deixou rasto na Segunda Guerra Mundial, pelo que a ameaça regressa a várias latitudes.