Mira e Vagos acolhem o maior encontro mundial de carros Mini

As praias de Mira e Vagueira acolhem de quinta a segunda-feira o International Mini Meeting (IMM) 2018, o maior encontro mundial dos míticos carros de marca Mini, que reúne mil viaturas e 2.500 participantes.

Com origem na década de 1970, na Alemanha, o evento junta anualmente, sempre em destinos diferentes, proprietários e entusiastas do pequeno carro criado pela British Motor Company, em 1950.

Este ano, a escolha para receber o evento recaiu nos concelhos de Mira e Vagos, que disponibilizam durante cinco dias espaços para alojamento e para a realização de atividades, divulgação e acolhimento, entre outras. A iniciativa, que pela primeira vez se realiza em Portugal, tem o apoio da Entidade Regional Turismo do Centro.

Organizado localmente pelo Clube Mini de Portugal, com a colaboração da Associação Clube Mini de Paranhos da Beira, dos Municípios de Mira, Vagos, freguesia da Gafanha da Boa Hora, freguesia da Praia de Mira, da Orbitur e a Entidade Regional de Turismo do Centro, o evento é "aberto a pessoas de todas as classes e faixas etárias", recebendo Minis clássicos e os novos Minis da BMW (que em 2000 passou a comercializar a marca) oriundos de todo o mundo.

Segundo os organizadores, são esperadas viaturas e visitantes de 32 países, a maior parte da Europa, mas também de destinos mais distantes como o Japão e o Uruguai. As inscrições para o evento esgotaram em menos de duas horas, o que dá a medida do interesse despertado entre os entusiastas desta pequena viatura.

O Parque de Campismo da Vagueira e o Parque de Campismo Municipal de Mira serão os pontos centrais do evento, que engloba diversos passeios turísticos e concursos individuais e competições entre clubes. Na Praia de Mira, a BMW montou uma estrutura de apoio que inclui oficinas e que tem como principal atração o Mini John Cooper Works Buggy que correu no Paris-Dakar.

O evento é aberto a visitantes no sábado e domingo, na Praia de Mira, com cada bilhete a custar 20 euros. Mas quem não quiser visitar as atrações no Parque de Campismo Municipal terá muitas oportunidades para se cruzar com os Mini, que desde hoje já percorrem as ruas dos dois concelhos.

"Ao associar-se a estes eventos, os municípios de Mira, Vagos e a Entidade Regional de Turismo do Centro, reforçam a aposta no turismo em época baixa, combatendo a sazonalidade que o setor ainda apresenta na região, dinamizando a região e potenciando a economia local", disse à Lusa o presidente da Câmara de Mira, Raul Almeida.

O autarca destaca a importância que iniciativas do género têm para a economia local, garantindo que as principais unidades hoteleiras dos dois concelhos estão esgotadas durante os dias do evento. A Lusa confirmou que as principais unidades hoteleiras de Mira estão com uma taxa de ocupação a rondar os cem por cento para os dias do evento.

Ler mais

Premium

Henrique Burnay

Discretamente, sem ninguém ver

Enquanto nos Estados Unidos se discute se o candidato a juiz do Supremo Tribunal de Justiça americano tentou, ou não, há 36 anos abusar, ou mesmo violar, uma colega (quando tinham 17 e 15 anos), para além de tudo o que Kavanauhg pensa, pensou, já disse ou escreveu sobre o que quer que seja, em Portugal ninguém desconfia quem seja, o que pensa ou o que pretende fazer a senhora nomeada procuradora-geral da República, na noite de quinta-feira passada. Enquanto lá se esmiúça, por cá elogia-se (quem elogia) que o primeiro-ministro e o Presidente da República tenham muito discretamente combinado entre si e apanhado toda a gente de surpresa. Aliás, o apanhar toda a gente de surpresa deu, até, direito a que se recordasse como havia aqui genialidade tática. E os jornais que garantiram ter boas fontes a informar que ia ser outra coisa pedem desculpa mas não dizem se enganaram ou foram enganados. A diferença entre lá e cá é monumental.