Merck vende negócio de medicamentos sem receita à Procter & Gamble por 3.400 ME

A empresa farmacêutica e química alemã Merck KGaA anunciou hoje que vai vender o negócio de medicamentos sem receita à norte-americana Procter & Gamble por 3.400 milhões de euros.

A Merck explicou em comunicado que fechou um acordo de venda com a Procter & Gamble, fabricante do detergente Ariel e das fraldas Pampers, e disse que as receitas da venda servirão para "reduzir o endividamento e aumentar a flexibilidade nas suas três áreas de negócio".

A farmacêutica alemã espera que a operação esteja concluída até ao final do último trimestre de este ano, uma vez que já recebeu "luz verde" das autoridades de supervisão e regulação.

A Merck, que se endividou há alguns anos para comprar a Sigma-Aldrich, empresa norte-americana de equipamentos para laboratórios, pretende agora reduzir o seu endividamento, encaixando 3.400 milhões de euros em numerário.

Segundo o banco Morgan-Stanley, a venda vai ajudar a Merck KGaA a concentrar-se no negócio farmacêutico.

O negócio de medicamentos sem receita da Merck, que inclui desde os 'sprays' nasais às vitaminas, atingiu os 911 milhões de euros no ano passado.

Os 3.300 empregados que trabalham no negócio dos medicamentos sem receita da Merck KGaA serão transferidos para a Procter & Gamble, uma vez que os representantes dos trabalhadores deram o seu acordo.

Ler mais

Exclusivos