Jogo VIP em Macau contribui com mais de metade do total arrecadado pelos casinos

As receitas geradas pelo jogo VIP em 2018 cresceram 9,3%, para 166,097 mil milhões de patacas (18,029 mil milhões de euros), contribuindo com mais de metade do total arrecadado pelos casinos de Macau.

De acordo com dados publicados na quarta-feira na página da Direção de Inspeção e Coordenação de Jogos (DICJ), as receitas do jogo VIP (angariadas nas salas de grandes apostas) registaram um aumento de 15,424 mil milhões de patacas (1,674 mil milhões de patacas), em relação a 2017, cujo valor das grandes apostas tinha sido de 150,673 mil milhões de patacas.

Em termos relativos, o jogo VIP contribuiu com 54,8% do total arrecadado pelos casinos de Macau ao longo do ano passado, uma percentagem inferior à registada em 2017 (56,69%).

Macau, capital mundial do jogo e único local na China onde o jogo em casino é legal, registou, em 2018, 302,846 mil milhões de patacas (32,796 mil milhões de euros) em receita do jogo, um aumento de 14% em relação ao período homólogo do ano anterior, de acordo com dados oficiais.

O resultado absoluto alcançado em 2018 é o maior desde 2014, quando as receitas geradas pelo jogo VIP registaram 212,535 mil milhões de patacas.

Em todo o setor das apostas em Macau foram gerados 303,879 mil milhões de patacas, sendo que o jogo em casino representou quase a totalidade deste valor (99,66%). Em segundo lugar, a longa distância do primeiro, ficaram as apostas de futebol (674 milhões de patacas), com um aumento de 155 milhões de patacas, comparativamente ao valor registado em 2017.

No final do ano passado, a região administrativa especial chinesa contava com 6.588 mesas de jogo e 16.059 'slot machines', em 41 salas de jogo.

A Sociedade de Jogos de Macau, fundada pelo magnata Stanley Ho, contava com 22 casinos, o Galaxy com seis e o Venetian Macau (que tem no território o maior casino do mundo e o sétimo maior edifício do planeta em área útil) com cinco.

Já o Melco, grupo liderado por Lawrence Ho, filho de Stanley Ho, com casinos e hotéis em Macau e nas Filipinas, tem cinco casinos. Os grupos norte-americanos MGM e Wynn têm ambos dois casinos em Macau.

Exclusivos

Premium

Líderes europeus

As divisões da Europa 30 anos após o fim da Cortina de Ferro

Angela Merkel reuniu-se com Viktor Orbán, Emmanuel Macron com Vladimir Putin. Nos próximos dias, um e outro receberão Boris Johnson. E Matteo Salvini tenta assalto ao poder, enquanto alimenta a crise do navio da ONG Open Arms, com 107 migrantes a bordo, com a Espanha de Pedro Sánchez. No meio disto tudo prepara-se a cimeira do G7 em Biarritz. E assinala-se os 30 anos do princípio do fim da Cortina de Ferro.