Incêndio em armazém em Santo Tirso provoca um ferido ligeiro

O incêndio que na quarta-feira à noite consumiu parte de uma fábrica de produtos de higiene e limpeza em Santo Tirso causou ferimentos ligeiros num bombeiro, que foi conduzido ao Centro Hospitalar do Médio Ave.

Segundo o adjunto do Comandante dos Bombeiros Voluntários Tirsenses, Tiago Miranda, o fogo foi "dado como dominado cerca das 00:30".

Estiveram no combate às chamas nove corporações, com 31 veículos e 93 operacionais, acrescentou Tiago Miranda, tendo o único bombeiro ferido sofrido "ferimentos ligeiros".

A origem ainda "é indeterminada", disse o bombeiro sobre um incêndio que "começou dentro do armazém e chegou também à parte florestal que circunda a zona industrial e está também extinta".

Na fábrica trabalham 15 pessoas, tendo os proprietários acorrido ao local para acompanhar o esforço dos bombeiros e prestar informações, mas escusando-se a falar à comunicação social.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Opinião

Os irados e o PAN

A TVI fez uma reportagem sobre um grupo de nome IRA, Intervenção e Resgate Animal. Retirados alguns erros na peça, como, por exemplo, tomar por sério um vídeo claramente satírico, mostra-se que estamos perante uma organização de justiceiros. Basta, aliás, ir à página deste grupo - que tem 136 000 seguidores - no Facebook para ter a confirmação inequívoca de que é um grupo de gente que despreza a lei e as instituições democráticas e que decidiu fazer aquilo que acha que é justiça pelas suas próprias mãos.