Hospital da Prelada aposta em Centro de Medicina Desportiva

O Centro de Medicina Desportiva do Hospital da Prelada, no Porto, a funcionar desde março, foi hoje apresentado com o foco nos atletas, clubes e federações de desporto amador.

Apresentando como valências a fisiatria, ortopedia, cardiologia e nutrição, aquele centro disponibiliza ainda os serviços de imagiologia e de análises clínicas.

Luís Matos, administrador daquele hospital da Santa Casa da Misericórdia do Porto, disse à «Lusa que o centro "irá funcionar diariamente entre as 8:00 e as 20:00, sendo possível o atendimento também ao fim-de-semana, mediante um telefonema prévio".

"O trabalho que o centro pretende fazer assenta - segundo Gonçalo Borges, do serviço de fisiatria - nas vertentes preventiva e de traumatologia desportiva", assegurando estar o hospital "servido com tecnologia destinada à medicina desportiva".

Boavista, Tirsense, Lawn Tennis Clube da Foz, Federação Portuguesa de Râguebi e de Ténis foram algumas das instituições ligadas ao desporto que "já tiveram atletas seus em recuperação no hospital", acrescentou o ortopedista Rosmaninho Seabra.

Ao todo, o Centro de Medicina envolve 10 médicos ortopedistas, três de medicina de reabilitação, um cardiologista e uma nutricionista.

Em termos de equipamentos, o hospital disponibiliza também dois ginásios e duas piscinas de hidroterapia.

Exclusivos