Exposição dos finalistas do Prémio Sonae Media Art é inaugurada hoje em Lisboa

A exposição dos finalistas da segunda edição do Prémio Sonae Media Art 2017, André Martins, André Sier, Nuno Lacerda, Rodrigo Gomes e Sofia Caetano, vai ser inaugurada hoje, às 19:00, no Museu do Chiado, em Lisboa.

De acordo com o Museu Nacional de Arte Contemporânea -- Museu do Chiado, que organiza o galardão em parceria com a Sonae, os cinco finalistas selecionados pelo júri nesta segunda edição vão disputar o galardão, no valor de 40 mil euros.

Nesta segunda edição, de um universo inicial de 147 candidaturas recebidas, foram validadas 123 e escolhidos os cinco finalistas, cujo anúncio foi feito em fevereiro deste ano, estando previsto o anúncio do vencedor para dezembro.

Criado em 2015 para distinguir e divulgar criações artísticas na área de 'media art', o prémio envolve também uma bolsa de criação individual de 5.000 euros, destinada a apresentar obras inéditas, que vão ser agora expostas no Museu do Chiado.

André Martins, nascido em 1994, vive e trabalha em Lisboa, e está a concluir a licenciatura em Arte Multimédia na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa.

André Sier, nascido em 1977, é artista programador, com formação em ciências e artes, licenciatura em filosofia, e trabalha com vídeo, som, eletrónica, desenho, escultura e videojogos, desde 1997, contando com mais de 25 exposições individuais e 80 participações em exposições coletivas, festivais e eventos artísticos.

Nuno Lacerda, nascido em 1983, vive e trabalha em Lisboa, é licenciado em Artes Plásticas - Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, tem formação em banda desenhada pelo CITEN - Centro de Arte Moderna José Azeredo de Perdigão, Fundação Calouste Gulbenkian, e formação em representação teatral pela Casa de Teatro de Sintra.

Rodrigo Gomes, nascido em 1991, vive e trabalha em Lisboa, frequenta o mestrado de Arte Multimédia na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa, e é licenciado em Escultura pela Universidade de Évora (2012-2015), e pós-graduado em Arte Sonora pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa (2015-2016).

Sofia Caetano, nascida em 1987, é açoriana, e vive e leciona em Boston, nos EUA. Licenciou-se em Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, tendo estudado também Media Art no Emerson College.

O Prémio Sonae Media Art dirige-se às formas de criação artística contemporânea que utilizem meios digitais e eletrónicos, nas áreas de 'vídeo arte', projetos sonoros, projetos de exploração do virtual e da interatividade, bem como propostas de 'network' (rede), em que poderão estar incorporadas outras formas de arte como a 'performance', a dança, o cinema, o teatro ou a literatura.

Na primeira edição, em 2015, a vencedora foi a artista Tatiana Macedo, com a obra "1989".

A mostra dos finalistas da segunda edição ficará patente até 01 de abril de 2018.

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

Pub
Pub