Euro sobe depois de banco central dos EUA indicar que pode descer os juros

Lisboa, 20 jun 2019 (Lusa) - O euro subiu hoje face ao dólar, após a Reserva Federal (Fed) ter admitido a possibilidade de uma descida das taxas de juro nos Estados Unidos, o que torna a moeda norte-americana menos atrativa.

Às 18:27 (hora de Lisboa), o euro seguia a 1,1295 dólares, depois de ter ultrapassado 1,13 dólares, quando na quarta-feira ao final da tarde negociava a 1,1214 dólares.

O banco central norte-americano deixou as taxas de juro inalteradas entre 2,25% e 2,5%, mas o seu presidente, Jerome Powell, advertiu que aumentou a incerteza devido a conflitos comerciais e a um enfraquecimento da economia mundial, argumentos favoráveis a uma política monetária "um pouco mais acomodatícia", abrindo caminho a uma possível descida das taxas de juro.

Hoje, o Banco de Inglaterra também deixou a sua principal taxa de juro em 0,75%, quando se mantém a incerteza sobre o 'Brexit' (saída britânica da União Europeia) e a tensão comercial a nível global.

Divisas..........hoje...............quarta-feira

Euro/dólar.......1,1295...................1,1214

Euro/libra.......0,88913.................0,88765

Euro/iene........121,27...................121,51

Dólar/iene.......107,37...................108,35

Exclusivos