Autárquicas: José Costa (CDU) candidata-se "para ajudar as pessoas" da Calheta, Madeira

O candidato da CDU à presidência da Câmara Municipal da Calheta, José Costa, diz que a sua candidatura é para "ajudar as pessoas", defendendo uma mudança "em tudo" naquele concelho da Madeira.

Reformado da profissão de eletricista, José Costa foi o primeiro presidente da Junta de Freguesia do Paul do Mar, no concelho da Calheta, no pós-25 de abril de 1974, então eleito pelo PPD/PSD, nas eleições de 12 de dezembro de 1976.

"Da forma como isto vai, não há milagre que salve. Estou disposto a ajudar as pessoas que têm necessidades e prometo andar próximo da população", afirmou

"Defendo mudança em tudo, limpar a "frota" da Câmara, metade ia para casa ou para a rua trabalhar", declara.

Nas eleições autárquicas de 29 de setembro de 2013, o PSD teve 58,54% dos votos (5 mandatos); o CDS-PP 25,99% (2 mandatos); PS 8,05% e o PCP/PEV 3,36%.

O executivo municipal tem cinco eleitos com pelouro, incluindo o presidente, Carlos Teles.

Neste concelho, nas autárquicas de 01 de outubro, são igualmente candidatos Martinho Câmara (CDS-PP), José Costa (CDU), Sofia Canha (PS), Carlos Teles (PSD) e Manuel Teles (PTP).

Ler mais

Exclusivos

Premium

Daniel Deusdado

Começar pelas portagens no centro nas cidades

É fácil falar a favor dos "pobres", difícil é mudar os nossos hábitos. Os cidadãos das grandes cidades têm na mão ferramentas simples para mudar este sistema, mas não as usam. Vejamos a seguinte conta: cada euro que um português coloca num transporte público vale por dois. Esse euro diminui o astronómico défice das empresas de transporte público. Esse mesmo euro fica em Portugal e não vai direto para a Arábia Saudita, Rússia ou outro produtor de petróleo - quase todos eles cleptodemocracias.