Autárquicas: CDS-PP escolheu Carlos Machado dos Santos para Vila Pouca de Aguiar

O CDS-PP escolheu o independente Carlos Machado dos Santos para liderar a candidatura à Câmara de Vila Pouca de Aguiar, no distrito de Vila Real.

Carlos Machado dos Santos, 54 anos, é licenciado em Relações Internacionais Económicas e Políticas e, desde 2012, é professor catedrático em Ciências Empresariais na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

O candidato diz que o concelho de Vila Pouca de Aguiar "necessita e merece uma candidatura que represente aqueles que estão descontentes com as duas maiores forças partidárias".

"Queremos ser uma opção válida para os eleitores aguiarenses. Vamos apresentar um programa que vá de encontro às pessoas e às grandes preocupações da nossa comunidade, desde o desemprego, à desertificação e às ruturas sociais e familiares causadas pela emigração", refere.

Carlos Machado dos Santos afirma ainda que se apresenta como "candidato independente pelo CDS/PP à Câmara de Vila Pouca de Aguiar, com total independência, ideias próprias, com uma equipa muito forte, competente e determinada".

Em Vila Pouca de Aguiar as eleições de 01 de outubro vão ser disputadas entre o atual presidente Alberto Machado (PSD), José Carlos Rendeiro (PS), Carlos Machado dos Santos (CDS-PP) e Fernando Mendes (CDU).

Ler mais

Exclusivos

Premium

Brexit

"Não penso que Theresa May seja uma mulher muito confiável"

O diretor do gabinete em Bruxelas do think tank Open Europe afirma ao DN que a União Europeia não deve fechar a porta das negociações com o Reino Unido, mas considera que, para tal, Theresa May precisa de ser "mais clara". Vê a possibilidade de travar o Brexit como algo muito remoto, de "hipóteses muito reduzidas", dependente de muitos fatores difíceis de conjugar.