Administrador da Semapa Paulo Miguel Garcês Ventura renuncia ao cargo

Lisboa, 03 mai 2019 (Lusa) -- A Semapa anunciou hoje que o administrador Paulo Miguel Garcês Ventura renunciou ao cargo, cessando as suas funções no próximo dia 31, segundo foi comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

"A Semapa - Sociedade de Investimento e Gestão, SGPS, S.A. informa que o Senhor Dr. Paulo Miguel Garcês Ventura, administrador da sociedade, solicitou no passado dia 30 de abril de 2019, a sua renúncia aos cargos de administrador que exercia na Semapa e nas sociedades participadas por esta em que era administrador, cessando essas suas funções no próximo dia 31 de maio de 2019", lê-se no documento.

De acordo com o comunicado, Paulo Miguel Garcês Ventura "irá focar a sua ligação ao Grupo Queiroz Pereira, no exercício das funções de administrador na sociedade Sodim", que detém o controlo da Semapa e Navigator.

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.