Incêndios: Hoje chegam dois aviões de Espanha, trovoadas secas poderão repetir-se -- PM

O primeiro-ministro advertiu que as trovoadas secas que ocorreram no sábado poderão repetir-se hoje e anunciou que durante a manhã vão chegar dois aviões Canadair de Espanha para apoiar Portugal no combate aos incêndios.

No final de uma reunião na Autoridade Nacional de Proteção Civil, em Oeiras, António Costa disse que o incêndio que matou pelo menos 25 pessoas no distrito de Leiria "esteve associado seguramente a um fenómeno meteorológico de trovoadas secas que ocorreu a partir das 14:00, 14:30 e até ao fim da tarde numa faixa do território entre Coimbra e o norte do Alentejo", no sábado.

Depois, o primeiro-ministro referiu que a meteorologia prevê que hoje, domingo, "sensivelmente no mesmo período, e na mesma área, entre Coimbra e o norte do Alentejo, possam voltar a ocorrer novas trovoadas secas".

"É provável que, nas mesmas regiões e no mesmo período horário, possamos ter um fenómeno idêntico", advertiu, pedindo "cuidados redobrados relativamente a todos aqueles comportamentos de risco de incêndio".

"Podemos estar sujeitos a ter uma nova ocorrência desse género", salientou o chefe do Governo, insistindo para que haja "o maior cuidado possível" no período em relação ao qual existe "o alerta de que possa repetir-se este fenómeno".

António Costa adiantou que "estão acionados já meios aéreos de Espanha" para apoiarem Portugal num "ataque forte e reforçado ao início da manhã" aos incêndios, precisando que são "dois Canadair" que chegarão pelas 08:00 da manhã, para reforçar os meios aéreos portugueses.

"A prioridade agora é que os incêndios sejam controlados durante a manhã, de forma a que os meios estejam o mais disponíveis possível para fazer frente a novas ocorrências que tenham lugar da parte da tarde", afirmou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG