Álbum com maiores êxitos da "Orquestra da Bida Airada" lançado em Ílhavo

O lançamento de um CD com os maiores sucessos da "Orquestra da Bida Airada", que junta músicos e pessoas sem qualquer formação musical, é a principal novidade do Festival Rádio Faneca, que decorre em Ílhavo.

A informação foi hoje avançada, durante a conferência de imprensa de apresentação da sexta edição do Festival Radio Faneca, promovido pela Câmara de Ílhavo, que se realiza de 08 a 10 de junho.

"O disco inclui sete canções. Tentámos fazer uma escolha que representasse as cinco edições da orquestra", disse à agência Lusa Ana Bragança, coordenadora da "Orquestra da Bida Airada".

A mesma responsável disse que se tratam de canções originais que "foram criadas de forma colaborativa" com os cerca de 300 participantes que, ao longo dos últimos anos, passaram pela orquestra.

"São canções que se relacionam com as histórias que os participantes trazem para os ensaios. Nos últimos anos, nós também lançámos alguns temas como o bacalhau, o mar, ou o farol, que são marcas identitárias de Ílhavo e, a partir daí, foram construídas as letras, as músicas e as coreografias", acrescentou.

Ana Bragança referiu ainda que o disco foi gravado durante um mês. "Inicialmente, houve um encontro com os participantes dos anos anteriores. Depois, foi marcado um plano de ensaios e foi montado um estúdio de gravação", explicou.

O CD, que inclui um livro com histórias da orquestra, vai ser colocado à venda durante o festival, por cinco euros.

A "Orquestra da Bida Airada" é uma das iniciativas do Festival Rádio Faneca, que este ano conta com um orçamento que ronda os 82 mil euros.

Durante três dias, o festival realizado em colaboração com a comunidade, transforma o centro histórico, becos e casas, em espaços de encontro, amizade, partilha de memórias e manifestações artísticas únicas.

Um dos destaques vai para a "Casa Aberta", no dia 09 de junho, em que cerca de 15 famílias abrem as portas das suas casas para receber amigos e desconhecidos que se rendem aos petiscos, costumes e conversas ilhavenses.

O programa inclui ainda concertos com Manel Cruz, Psychtrus, MOTIV, Tomara, Cais do Sodré, Funk Connection e Luís Severo, que vão acontecer num palco instalado no Jardim Henriqueta Maia e em diversos lugares inusitados como travessas e vielas, ou no Aquário dos Bacalhaus.

Através da frequência radiofónica 103.9 FM vai ser possível ouvir as músicas e dedicatórias dos ouvintes, além das notícias dos quotidianos dos habitantes do centro histórico de Ílhavo e do próprio festival.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG