Mulher fica ferida após ataque com faca em estação de comboios no Japão

Uma mulher, com cerca de 80 anos, sofreu ferimentos no abdómen após ataque com faca na estação ferroviária de Fukushima, no Japão.

Um homem atacou, esta segunda-feira, uma idosa com uma faca na estação de comboios de Fukushima, no nordeste do Japão, informaram as autoridades. Esta é o mais recente ataque de uma série de ocorrências semelhantes na rede ferroviária do país.

O atacante está sob custódia da polícia e, segundo os media locais, foi detido por cidadãos que estavam no local.

A mulher, com cerca de 80 anos, foi hospitalizada depois do ataque, de acordo com a estação pública de televisão, NHK.

A vítima sofreu ferimentos na zona do abdómen, mas conseguia falar, noticiou a estação de televisão TV-U.

"Um homem com uma faca atacou hoje uma pessoa em frente à estação de Fukushima. O homem está sob custódia", informou a polícia nas redes sociais. As autoridades recusaram-se a prestar mais declarações sobre o caso.

O crime violento é raro no Japão, mas uma série de ataques tem vindo a ocorrer nos últimos meses em estações de comboios e no interior de carruagens.

No Halloween, um homem, de 24 anos, foi detido pela tentativa de homicídio depois de, alegadamente, esfaquear um passageiro e efetuar disparos no interior de um comboio. Estava vestido de vilão Joker.

Esta situação terá inspirado um homem, de 69 anos, a começar um tiroteio no interior de uma carruagem na região de Kyushu no início deste mês. Não se registaram feridos.

Em agosto, nove pessoas ficaram feridas, uma das quais ficou em estado grave, depois de um ataque com recurso a uma faca num comboio em Tóquio. No mesmo mês, um ataque com ácido no metro de Tóquio fez dois feridos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG