Líderes da Coreia do Norte e do Sul trocam cartas

Na correspondência, Moon Jae-in e Kim Jong-un expressaram esperança na melhoria das relações.

Os líderes da Coreia do Sul e da Coreia do Norte trocaram cartas a expressaram esperança na melhoria das relações, tensas nos últimos três anos, informou hoje a agência de notícias estatal de Pyongyang.

A KCNA noticiou que o líder Kim Jong-un recebeu na quarta-feira uma carta pessoal do Presidente sul-coreano cessante, Moon Jae-in, e que este respondeu na quinta-feira, elogiando os esforços de paz de Moon durante o seu mandato.

Especialistas dizem que o anúncio das cartas por parte da Coreia do Norte, num momento em que Kim se estará a preparar para um teste nuclear, tem como objetivo dividir a opinião pública na Coreia do Sul e desencorajar o novo Governo de Seul de tomar uma linha dura em relação a Pyongyang após a tomada de posse em maio.

A KCNA avançou que Moon disse a Kim que continuaria a fazer campanha pela reunificação coreana mesmo depois de deixar o cargo no próximo mês, em sintonia com as declarações conjuntas para a paz realizadas após as reuniões da cimeira em 2018.

Kim e Moon partilharam opiniões de que "as relações intercoreanas iriam melhorar e desenvolver-se como desejado e previsto pela nação [coreana] se [ambos os países] fizessem esforços incansáveis com esperança", informou a agência de notícias.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG