Ataques aéreos russos mataram 11 combatentes pró-Turquia na Síria

Treze combatentes da divisão Hamza ficaram feridos. Os aviões russos realizaram dez ataques aéreos desde sábado na região de Afrin.

Pelo menos onze combatentes de um grupo sírio pró-turco morreram este domingo em ataques russos numa área controlada pela Turquia e os seus aliados locais no norte da Síria, informou o Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH).

"Onze combatentes da divisão Hamza morreram e outros treze ficaram feridos em ataques da Força Aérea russa no vilarejo de Brad, na região de Afrin", localizada na província de Aleppo, no norte do país, disse o OSDH.

Os ataques tiveram como alvo uma escola que servia de quartel-general e um campo de treino de um grupo rebelde, tendo as paredes do edifício ficado destruídas.

De acordo com o Observatório, as equipas de resgate procuram agora descobrir sobreviventes ou cadáveres presos sob os escombros.

Os aviões russos realizaram dez ataques aéreos desde sábado na região de Afrin, disse à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahmane, descrevendo os bombardeamentos russos nesta zona como "raros".

"A mensagem da Rússia é clara: quer pressionar os turcos e garantir que não haja fronteiras e nem linhas vermelhas" para a sua ação e os seus objetivos militares na Síria, disse à AFP um responsável do Exército Nacional, uma coligação de grupos rebeldes pró-Ancara, que apelida os ataques aéreos russos de "crime".

A Rússia, aliada do regime sírio, e a Turquia, que apoia grupos rebeldes, são dois atores importantes no conflito sírio e em 2020 patrocinaram um acordo de cessar-fogo na região de Idlib, no noroeste da Síria, que ainda escapa ao controle de Damasco. Localizada na província de Aleppo, a região curda de Afrin foi conquistada em março de 2018 pelas forças turcas e por grupos sírios.

Iniciada em 2011 por protestos pró-democracia, a guerra na Síria cresceu em complexidade ao longo dos anos e provocou cerca de meio milhão de mortos e milhões de deslocados e refugiados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG