Anitta declara apoio a Lula e disponibiliza-se a ajudar na campanha na internet

Cantora disse que o anúncio aconteceu na sequência do homicídio cometido no domingo por um apoiante do Governo.

A cantora brasileira Anitta anunciou esta terça-feira o apoio a Lula da Silva às eleições presidenciais de outubro e disponibilizou-se a ajudar a campanha na internet.

"Não sou petista [Partido dos Trabalhadores] e nunca fui. Mas este ano estou com Lula e quem quiser minha ajuda para fazer ele bombar aqui na Internet, tik tok, Twitter, instagram é só me pedir que estando ao meu alcance e não sendo contra lei eleitoral eu farei", escreveu rainha da pop brasileira na sua conta no Twitter.

A cantora com mais de 62 milhões de seguidores só no Instagram, disse que o anúncio aconteceu na sequência do homicídio cometido no domingo por um apoiante do Governo, que matou um membro do Partido dos Trabalhadores (PT), num crime que terá tido motivação política.

"Se não houvesse uma morte envolvida neste caso do 'apoiador' de Lula que foi atacado por um bolsonarista eu diria que a burrice dessas pessoas chega a ser engraçada. Mas não. É apavorante", escreveu, acrescentando: "Mas a postura extremamente agressiva e antidemocrática dessa gente não me deixa outra opção. É Lulalá... seus burros, agressores, autoritários e violentos".

"A partir deste momento eu sou Lulalá primeiro turno. E lutarei por uma novidade na politica presidencial brasileira nas próximas eleições" disse ainda.

Lula da Silva já reagiu à manifestação de apoio e escreveu no Twitter: "Vamos juntos envolver o Brasil!", numa referência à canção "Envolver" da rainha da pop brasileira.

A 84 dias das eleições presidenciais brasileiras, Lula da Silva é favorito, com uma vantagem entre 15 e 20 pontos sobre o atual Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, segundo as últimas sondagens.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG