Sony cancela estreia do polémico filme sobre assassinato do líder norte-coreano

A Sony Pictures cancelou o lançamento do filme The Interview/Uma Entrevista de Loucos, após as maiores salas de cinema norte-americanas se terem recusado a passá-lo por receios de represálias.

A estreia, prevista para o dia 25 de dezembro nos EUA, do filme Uma Entrevista de Loucos foi hoje cancelada pela produtora Sony Pictures. A decisão surge após várias salas de cinema norte-americanas se terem recusado exibir a comédia - que tem como argumento uma suposta tentativa de assassinato do líder norte-coreano, Kim Jong-un - após terem recebido ameaças de piratas informáticos.

"Tendo em conta a decisão da maioria dos nossos exibidores de não passar o filme The Interview, decidimos não prosseguir com a planeada estreia nos cinemas a 25 de dezembro", lê-se num comunicado citado pela Reuters.

O estúdio acrescenta estar "profundamente entristecido com esta tentativa de suprimir a distribuição de um filme e, no mesmo processo, provocar danos à empresa".

A Sony Pictures. que está atualmente a braços com um imenso ataque informático cujas origens se prenderão com esta produção, reitera que mantém o apoio à equipa por trás da comédia realizada por Evan Goldberg e Seth Rogen e que tem este último e James Franco nos principais papéis.

Veja em cima o trailer mais recente.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG