Sam Berns morreu de velhice aos 17 anos

Sam Berns, um jovem norte-americano de 17 anos, morreu na passada sexta-feira, de velhice. Berns sofria de uma doença rara chamada progeria ou síndrome de Hutchinson-Gilford, que acelera o envelhecimento.

Sam Berns inspirou milhares de pessoas em todo o mundo com as suas palestras.

Veja este vídeo onde ele explica a sua filosofia para "uma vida feliz":

Sam Berns foi diagnosticado com 22 meses de idade. Em 1999, os seus pais, Leslie Gordon e Scott Berns, ambos médicos, fundaram a Fundação para a Investigação da Progeria, que procura descobrir as causas desta doença rara. A esperança média de vida dos portadores da doença é de 13 anos. Sam Berns foi um lutador. E viveu até aos 17 anos. Nas suas mensagens tentava sempre ser positivo, dizendo como era feliz, agradecendo à família e falando de todas as experiências fantásticas que já tinha conseguido concretizar apesar da doença. A sua morte foi anunciada pela fundação.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG