Rússia vai fazer manobras militares conjuntas com a Coreia do Norte

Um alto responsável das forças armadas russas anunciou que vão realizar-se este ano manobras militares conjuntas com a Coreia do Norte.

O chefe de estado-maior general das forças armadas russas, general Valery Gerasimov, fez o anúncio após uma reunião com outros responsáveis militares em Moscovo, referindo que vão seguir-se reuniões com os ministros da Defesa da Coreia do Norte, Brasil, Cuba e Vietname, para a preparação dessas operações que incluirão as três componentes: terra, mar e ar.

Além deste anúncio, desde novembro de 2014 que se sabe estarem planeadas, para a próxima primavera, manobras exercícios navais conjuntos Rússia-China no Mar Mediterrâneo e também no Oceano Pacífico.

As manobras envolvendo a participação da Coreia do Norte, cujo dirigente máximo Kim Jong-un visita a Rússia em maio, não deixarão de intensificar as tensões numa região marcada pelas provocações norte-coreanas e pela conflitualidade latente entre a China e o Japão sobre a soberania das ilhas Senkaku/Diaoyu.

São comuns na região os exercícios militares conjuntos Estados Unidos-Coreia do Sul e Estados Unido-Japão. A forte presença militar americana no Pacífico é vista como um fator de instabilidade em Moscovo e em Pequim.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG