Restaurante em Tóquio recusa-se a servir casais na noite de Natal

Para evitar que os solteiros se sintam tristes, restaurante em Tóquio não serve casais na noite de Natal.

Um restaurante em Tóquio recusa-se a servir casais na véspera de Natal, porque a sua felicidade faria com que os trabalhadores solteiros do restaurante se sentissem sós.

O proprietário do PiaPia, um restaurante de massas nos subúrbios de Tóquio, colocou um cartaz na janela onde se pode ler: "Recusamos a entrada a todos os casais, sem excepções, no dia 24 de dezembro!".

O cartaz mostra um desenho feito à mão com uma figura masculina em azul e uma figura feminina em vermelho, unidos com um coração e com uma cruz por cima.

A mensagem sugere que a presença dos casais iria perturbar os funcionários que têm de trabalhar na véspera de Natal e poderia causar "traumas emocionais".

Takashi Kyozuka, um dos empregados do restaurante PiaPia, disse ao The Telegraph que o cartaz foi colocado na janela porque os solteiros se sentiriam "tristes por estarem sós". Explicou também que a iniciativa surgiu "com alguém a dizer em tom de brincadeira que se deveria proibir os casais" e, no final, aperceberam-se que não seria má ideia.

O Natal foi introduzido no Japão após a Segunda Guerra Mundial e apenas as famílias cristãs o celebram da maneira tradicional. Na sua maioria, os japoneses comemoram o feriado de forma diferente dos ocidentais, como um evento social.

Nos últimos anos, no entanto, a véspera de Natal é comparada a um dia romântico no Japão. A ocasião tornou-se importante para os jovens casais jantarem juntos e trocarem presentes.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG