Quem são os Nobel mais jovens depois de Malala?

Com 17 anos, Malala Yousafzai tornou-se hoje a pessoa mais jovem a ser laureada com um prémio Nobel. Destronou William Lawrence Bragg, que recebeu o Nobel da Física com apenas 25 anos. A partir daí, os laureados mais novos em qualquer categoria estão todos acima dos trinta.

A idade média de um laureado Nobel é de 59 anos, mas a média varia entre as diferentes categorias. No que diz respeito ao Nobel da Paz, por exemplo, o vencedor médio tinha 62 anos, de acordo com os dados que fornece o comité, embora ainda não tenham em consideração que Malala surgiu para desequilibrar as contas.

Antes de Malala Yousafzai, já duas mulheres jovens tinham vencido este Nobel. É o caso de Mairead Corrigan, que venceu o prémio em 1976 quando tinha 32 anos, pela fundação do Movimento da Paz da Irlanda do Norte. Corrigan tornou-se ativa nos movimentos para a paz quando perdeu três sobrinhos devido a um confronto entre o elementos do IRA e a polícia.

Depois de Corrigan - e apenas 11 dias mais nova do que ela quando recebeu o prémio -, a jornalista Tawakkol Karman venceu o Nobel da Paz em 2011 pelos seus esforços na promoção da segurança das mulheres.

Os físicos são os laureados mais jovens

Diferente é o caso do Nobel da Física, com a média etária mais baixa das várias categorias. Até Malala, o laureado mais jovem de sempre era William Lawrence Bragg, que venceu o prémio em 1915 em conjunto com o seu pai, com quem trabalhara na descoberta da estrutura dos cristais através dos raios X.

A categoria da Física já laureou várias vezes os cientistas mais novos, porém. Com uma média etária de 55 anos, o Nobel da Física já foi para Heisenberg, pela sua descoberta do princípio da incerteza, para Dirac, pela teoria atómica, e para Anderson, pela descoberta do positrão, que tinham todos 31 anos quando foram premiados.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG