Pagar até seis mil euros para acabar à deriva no Mar Mediterrâneo

A ânsia de fugir a uma guerra ou a ilusão de ganhar dinheiro rápido está a levar à expansão do transporte clandestino de migrantes.

São quase mil por navio, em geral cargueiros em fim de vida, pagam o equivalente a três mil euros, mas há relatos referindo seis mil euros ou mais, viajam sem condições, encerrados nos porões ou, por vezes, no convés, para acabarem abandonados e à deriva no Mediterrâneo pelos traficantes. Ou para serem mais uns quantos a somar aos quatro mil ilegais que morreram nos últimos cinco anos nas águas entre a África e a Europa.

"É cada vez mais frequente apanharmos cadáveres ou restos de pessoas nas redes em lugares onde estamos pescar. Por isso, agora, quando chegamos a esses pontos e vemos corpos, vamos embora", dizia em julho de 2014 um pescador italiano, comentando o cenário que se vive no Mediterrâneo.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG