Obama garante retaliação contra a Coreia do Norte

Presidente americano criticou estúdio de cinema por ter retirado de exibição Entrevista de Loucos, paródia ao ditador de Pyongyang.

"Vamos responder da forma como escolhermos e quando escolhermos", garantiu o presidente Barack Obama em resposta a uma pergunta sobre a reação dos Estados Unidos à confirmação de que partiu da Coreia do Norte o ataque informático e as ameaças à Sony por causa de um filme cómico sobre o dirigente deste regime comunista, Kim Jong-un.

Obama, que falava na Casa Branca no último encontro do ano com a imprensa, salientou que "teria gostado" que os responsáveis da Sony tivessem falado com ele antes de decidirem não exibir o filme de título original The Interview, decisão que, diz, "foi um erro".

Leia mais no epaper ou na edição impressa do DN

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG