Obama felicita Dilma Rousseff pela vitória

O Presidente dos Estados Unidos afirma ainda que pretende dar passos para aumentar a colaboração bilateral com o Brasil "nos próximos dias".

Em comunicado, o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, indicou que o Brasil é "um parceiro importante" para os Estados Unidos da América e adiantou que Obama irá telefonar a Dilma Rousseff "nos próximos dias para a felicitar pessoalmente" e conversar sobre o aumento da colaboração entre os dois países.

As relações entre os EUA e o Brasil foram afetadas com as revelações do ex-analista da Agência Nacional de Segurança norte-americana Edward Snowden, que denunciou escutas às comunicações pessoais de Rousseff, ministros e empresas brasileiras.

Dilma Rousseff ganhou a segunda volta das eleições, realizada no domingo, com 51,8% dos votos, na mais renhida disputa eleitoral das últimas duas décadas, vencendo o seu opositor social-democrata, Aécio Neves.