O pós "Primavera Árabe" em debate em Lisboa

O antigo Presidente da República Jorge Sampaio é um dos participantes do Fórum Lisboa, uma iniciativa do Conselho da Europa que pretende debater a partir de hoje os processos democráticos após as manifestações da "primavera árabe".

O encontro de dois dias, que decorre no Centro Ismaili, em Lisboa, vai analisar "os mecanismos políticos para a estabilidade democrática" nos países do sul do Mediterrâneo, "como condição fundamental para determinar uma governação bem-sucedida, baseada em princípios de liberdade, transparência e justiça", segundo a organização.

Em debate estarão os seguintes temas: Leis e Corpo Eleitoral; Partidos, Candidatos e Cidadãos; A Participação das Mulheres no Processo Eleitoral; Relações entre Marrocos e a Europa; O Financiamento dos Partidos Políticos e das Campanhas Eleitorais; A Ética nos Processos Eleitorais; Auditar as Eleições: o Papel da Sociedade Civil; Eleições e Sociedade Civil: o Papel dos Partidos, Instituições e ONGs e, finalmente, O Papel dos Media no Processo Eleitoral.

Entre os participantes, encontram-se o antigo Presidente da República português Jorge Sampaio; o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros português, Rui Machete; o secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação português, Luís Campos Ferreira; o secretário-geral do Conselho da Europa, Thorbjorn Jagland; o secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros da Tunísia, Fayçal Gouiaa e o chefe da missão de apoio das Nações Unidas na Líbia, Bernardino León, além de políticos, juízes, responsáveis de comissões eleitorais e jornalistas de países como Turquia, Líbano, Marrocos, Tunísia ou Iémen.

O Fórum Lisboa 2014 marca os 20 anos desta iniciativa do Centro Norte-Sul, do Conselho da Europa.

O Centro Norte-Sul tem como objetivo estabelecer plataformas de diálogo, em matéria de interdependência e solidariedade, com regiões situadas fora do continente europeu, no quadro da "política de vizinhança" da organização.

Fundado a 05 de maio de 1949, o Conselho da Europa é a mais antiga instituição europeia em funcionamento, com 47 Estados-membros, incluindo todos os países que formam a União Europeia.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG