Ministro desculpa-se por tweet sobre morte de Mandela

O novo ministro da Cultura chileno, o escritor Roberto Ampuero, pediu desculpas depois de ter prestado uma homenagem póstuma, mas prematura, no Twitter a Nelson Mandela. O ex-presidente sul-africano continua internado em Pretória, pelo quarto dia consecutivo.

"Nelson Mandela acaba de morrer. Um dos combatentes mais sábios e generosos pela dignidade, a igualdade e os direitos humanos. Luto por Madiba", pode ler-se na mensagem colocada pelo ministro no Twitter.

Duas horas depois, Ampuero veio pedir desculpas pelo lapso, afirmando que "pode acontecer a toda a gente".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG