Ministro do Interior egípcio escapa a atentado

A coluna de veículos do ministro do Interior egípcio, Mohammed Ibrahim, foi esta manhã visada por um atentado no Cairo, indicaram fontes da segurança egípcia citadas pela AFP. O responsável sobreviveu.

A explosão de um engenho explosivo visou a coluna de veículos do ministro na proximidade da sua casa em Nasr City pelas 10.30 locais (09.30 hora de Lisboa), precisaram responsáveis de segurança, que falaram a coberto do anonimato àquela agência de notícias.

De momento, refere ainda a AFP, ainda não foi disponibilizado um balanço de eventuais vítimas deste atentado na zona da capital do Egito. A agência oficial MENA diz que haverá vários civis feridos. O site da BBC fala em pelo menos quatro. E o do 'El Mundo' fala em sete.

Ibrahim apareceu em seguida na televisão do Estado a denunciar uma "tentativa falhada" de assassinato" e afirmou que se tratou de "uma bomba acionada à distância" que destruiu "quatro viaturas" da sua coluna de veículos. O ataque não foi ainda reivindicado.

Nasr City, refere a Al-Arabyia, citando a AP, é uma das zonas do Cairo de forma apoio à Irmandade Muçulmana, grupo que tem sido alvo de forte repressão após o golpe de Estado que derrubou o presidente Mohamed Morsi. Este contava com o apoio dos islamitas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG