Israel mobiliza mais 16 mil reservistas

O exército israelita mobilizou 16 mil reservistas suplementares, fazendo subir para 86 mil militares envolvidos no conflito com o Hamas na Faixa de Gaza desde 8 de julho, anunciou esta quinta-feira um porta-voz militar.

"Um exército colocado em situação de combate tem necessidade de reforços para a utilização das suas forças", explicou na rádio militar o porta-voz do exército, o general Moty Almoz.

"É preciso que os nossos combatentes sejam revezados", acrescentou. Segundo o responsável "nos próximos dois dias haverá uma decisão sobre a utilização destes reservistas".

O gabinete de segurança, que integra os principais ministros do Governo israelita, decidiu ontem por unanimidade a continuação das operações na Faixa de Gaza, parte dos territórios palestinianos controlada pelos radicais islâmicos do Hamas.

O Governo, liderado por Benjamin Netanyahu, está reunido neste momento, segundo a rádio pública. O objetivo dos israelitas é conseguir "a desmilitarização de Gaza" através da destruição do arsenal de 'rockets' e dos túneis de ataque do Hamas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG