Hosni Mubarak vai ser de novo hospitalizado

O procurador-geral egípcio ordenou hoje a transferência do antigo presidente Hosni Mubarak da prisão para um hospital militar devido à deterioração do estado de saúde, indicou fonte do gabinete do magistrado.

Mubarak, condenado a prisão perpétua por repressão no levantamento popular contra o regime, foi hospitalizado por pouco tempo a 19 de dezembro para fazer um exame ao crânio depois de ter caído quando tomava banho na prisão.

O antigo presidente egípcio, de 84 anos, vai regressar à prisão depois de receber tratamento, adiantou a mesma fonte sem dar mais detalhes sobre a doença.

Mubarak já foi várias vezes hospitalizado e em junho chegou a ser anunciado, pela agência oficial Mena, como "clinicamente morto", uma informação que foi depois desmentida pelos médicos.

A repressão da revolta popular contra o regime de Mubarak, no início de 2011, provocou 850 mortos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG