Exército sírio controla totalidade de Damasco

O exército sírio controla a totalidade de Damasco, após recuperar hoje o bairro de Tadamoun (sul) que estava ocupado pelos rebeldes, afirmou o general encarregado das operações neste bairro.

"Limpámos todos os bairros de Damasco, de Midane a Mazzé, Qadam, Hajar al Aswad e Tadamoun", afirmou aquele oficial, que não quis ser identificado, numa visita de jornalistas ao bairro de Tadamoun, conquistado hoje segundo ele.

"A situação em Damasco é excelente e estável. Já não estão presentes grupos armados, com a exceção de alguns indivíduos que se deslocam de um local para outro para provar que existem", adiantou.

O general indicou que a operação contra Tadamoun se iniciou na manhã de sexta-feira, "para responder ao pedido da população", e terminou hoje às 14:00 locais (12:00 em Lisboa).

Os rebeldes lançaram a 15 de julho o ataque para a conquista de Damasco.

O exército sírio bombardeou hoje com intensidade Alepo, a capital económica da Síria, onde os rebeldes tentaram tomar o edifício da televisão estatal, segundo militantes.

O bastião rebelde de Saladino em Alepo foi alvo dos "maiores bombardeamentos desde o início da batalha, mas o exército de (presidente) Bashar (al-Assad) não conseguiu avançar", afirmou à agência France Prece o coronel Abdel Jabbar Oqaidi, chefe do comando militar do Exército Sírio Livre (formado por desertores e civis armados).

Os rebeldes dizem controlar metade da cidade de Alepo.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) informou que hoje foram mortos 28 civis e um rebelde, seis na província de Damasco e 16 em Deir Ezzor (leste).

Segundo o OSDH, julho foi o mês mais sangrento em 16 meses de revolta, cuja repressão já causou mais de 20.000 mortos na Síria.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG