Media franceses oferecem funcionários e outros meios para que o 'Charlie Hebdo' "continue a viver"

Uma rádio, um jornal e uma cadeia pedem que todos os meios de comunicação social franceses façam o mesmo.

A Radio France, Le Monde e France Télévisions divulgaram um comunicado no qual anunciam estarem dispostos a oferecer dinheiro e a ceder funcionários ao 'Charlie Hebdo', para que o jornal "continue a viver". Pedem ainda que mais meios de comunicação social franceses façam o mesmo.

Os media consideram que é necessário "defender os princípios da independência, liberdade de pensamento e de expressão, os garantes da nossa democracia".

O comunicado é assinado pelos diretores dos media envolvidos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG