Marijuana legal na capital dos EUA

Legalização gerou desentendimento entre congressistas republicanos e líderes da cidade de Washington, que foram ameaçados com pena de prisão por terem aprovado a lei.

Em Washington já é possível estar na posse de marijuana, depois de num referendo local ter resultado numa aprovação com 65% dos votos. Esta lei segue a tendência de outros locais nos EUA, como Alaska e Colorado, que também já aprovaram a legalização da marijuana. Apesar de se manterem várias restrições, a nova lei abriu uma batalha entre os congressistas republicanos que estão contra a nova lei e ameaçam com prisão os líderes locais.

A mayor de Washington, Muriel Bowser, afirmou na quarta-feira que os planos não serão alterados apesar das ameaças republicanas, nomeadamente após a receção de uma carta de Jason Chaffetz. Este pediu a Bowser para reconsiderar, justificando que está a violar uma lei federal.

Agora será possível possuir até 26 gramas de marijuana e ter seis plantas em casa. No entanto, continua a ser proibido comprar ou vender e fumar em público.

Allen St. Pierre, diretor executivo da organização que luta pela mudança da lei sobre a marijuana (NORML, sigla em inglês) considera que a legalização que se está a verificar em alguns locais dos EUA acaba por ser meramente simbólica por possivelmente influenciar a que mais cidades façam o mesmo. No entanto, considera, citado pela Reuters, que é apenas uma "despenalização", pois a venda continua a ser proibida, beneficiando o seu tráfico.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG