No "Mar morto" chinês quase não se vê água

Piscina de água salgada de Dayang, na China, acolhe milhares de pessoas. Demasiadas.

Na China existe uma piscina onde quase não se vê água. Todos os verões, segundo o Huffington Post, cerca de 8000 veraneantes dirigem-se a Daying, na esperança de se refrescarem. Mas são tantas as pessoas que quase não existe piscina suficiente para todos. Não há mesmo hipótese nenhuma para mergulhos ou até mesmo para nadar, aliás é quase impossível mexer-se nesta piscina.

Ler mais

Premium

Rosália Amorim

"Sem emoção não há uma boa relação"

A frase calorosa é do primeiro-ministro António Costa, na visita oficial a Angola. Foi recebido com pompa e circunstância, por oito ministros e pelo governador do banco central e com honras de parada militar. Em África a simbologia desta grande receção foi marcante e é verdadeiramente importante. Angola demonstrou, para dentro e para fora, que Portugal continua a ser um parceiro importante. Ontem, o encontro previsto com João Lourenço foi igualmente simbólico e relevante para o futuro desta aliança estratégica.