FDA investiga ligação entre bebida e 13 mortes

A autoridade norte-americana dos Alimentos e Drogas (FDA, na sigla em inglês) abriu uma investigação à bebida energética 5 Hour Energy, que pode ser comprada em Portugal em sites de suplementos. Em causa estão 13 mortes e 33 hospitalizações alegadamente provocadas pelo consumo excessivo de cafeína.

Um mês depois da investigação aberta à ligação entre a bebida energética Monster por poder estar relacionada com cinco mortes, a FDA está a investigar uma outra bebida: 5 Hour Energy.

Mais uma vez está em causa os elevados níveis de cafeína que se encontram neste tipo de bebida e que representam um risco para a saúde. A notícia da investigação foi avançada pelo jornal The New York Times que indica que a empresa responsável não quis comentar a investigação.

De acordo com o jornal, o nível de cafeína da bebida não vem referido na embalagem, mas a associação do consumidor norte-americana refere que uma garrafa normal tem 212 miligramas de cafeína. Um café tem cerca de 60 miligramas e os cardiologistas não aconselham a uma pessoa saudável que se excedem os 120 miligramas de cafeína por dia.

O excesso de cafeína pode causar arritmia cardíaca, convulsões, sintomas psicóticos e até a morte, dizem os especialistas.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG