Último ataque em solo francês foi em 1995

Os últimos ataques terroristas com mortos e feridos em solo francês aconteceram entre 11 de Julho e 17 de Outubro de 1995: oito atentados à bomba fizeram dez vítimas mortais e quase duas centenas de feridos. As acções foram oficialmente atribuídas ao Grupo Islâmico Armado (GIA), um dos movimentos de rebeldes islâmicos que combateram o Governo argelino durante a guerra civil (entre 1991 e 2002). O grupo a partir do qual se formou agora a rede regional da Al-Qaeda no Magrebe Islâmico, o Grupo Salafita para a Prédica e Combate, é precisamente uma cisão do GIA.

O atentado mais mortífero, com oito vítimas a registar, ocorreu a 25 de Julho de 1995, quando foi feita explodir uma garrafa de gás na estação de metro de Saint-Michel-Notre Dame. Na sequência dos atentados terroristas, a aplicação dos então recentes acordos de livre circulação Schengen foram suspensos em Paris. O assunto originou dez processos na justiça e três dos implicados detidos, Rachid Ramda, Boualem Bensaid e Smaïn Ait Ali Belkacem, foram condenados a passar o resto dos seus dias na prisão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG