Tribunal Superior aprova ordem de despejo de indignados

O Tribunal Superior de Londres decidiu hoje a favor de uma ordem de despejo pedida pelas autoridades da City de Londres contra o acampamento de protesto anti-capitalista junto à Catedral de São Paulo.

A decisão foi hoje anunciada pelo juiz Keith Lindblom, mais de três meses depois do início da ocupação, a 15 de outubro, inspirada num movimento global.

A ação judicial foi iniciada pela City of London Corporation (CLC) em novembro, invocando vários problemas incluindo "defecação" e "uso de drogas" pelos participantes no protesto.

A CLC pretende recuperar o uso público do espaço ocupado por dezenas de tendas e frequentado por centenas de pessoas diariamente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG