Três mortos em confrontos com a polícia

Pelo menos três pessoas morreram na sequência de violentos confrontos com as forças de segurança depois de uma manifestação hoje, sexta-feira, ocorrida em Tirana, disse o chefe das urgências do hospital militar da capital albanesa, Sami Koceku.

"Há três mortos, 17 polícias e militares feridos, incluindo três em estado muito grave. Vinte e dois civis foram igualmente feridos", afirmou a mesma fonte hospitalar, em declarações à agência noticiosa francesa AFP.

As três vítimas mortais foram baleadas e chegaram às urgências do hospital já sem vida, precisou o responsável.

A oposição albanesa convocou a manifestação para protestar contra o governo de Sali Berisha e reclamar a demissão do executivo, bem como exigir eleições legislativas antecipadas.

A acção de protesto surge cerca de uma semana depois da demissão do vice-primeiro-ministro, Ilir Meta, envolvido num caso de corrupção.

Vários milhares de pessoas responderam ao apelo da oposição e concentraram-se em frente à sede do governo, num clima de grande tensão.

Os confrontos acabaram por acontecer, com os manifestantes a lançarem pedras e as forças de ordem a responderem com gás lacrimogéneo e jatos de água.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG