Rajoy vai ao Parlamento dia 27 explicar a luta contra a corrupção

Em Cáceres, o primeiro-ministro espanhol assumiu pessoalmente a luta contra a corrupção, fazendo dela uma questão de Estado. Mariano Rajoy, do Partido Popular (PP), vai ao Parlamento no dia 27 explicar as medidas que vai tomar.

"Vou tomar a iniciativa", garantiu Rajoy em Cáceres, citado pelo El Mundo. O primeiro-ministro reagia assim àS acusações contra o presidente do governo da Extremadura, José Antonio Monago, também do PP, envolvido numa polémica em torno das 32 viagens que fez às Canárias entre 2009 e 2011. Monago é suspeito de ter usado dinheiros públicos para financiar as suas deslocações durante as quais manteve encontros com Olga María Henao, empresária colombiana e militante do PP nas Canárias, com a qual tinha uma relação, como a própria confessou ao ABC.

Rajoy, que afirmou apoiar Monago, admitiu hoje que "as pessoas estão preocupadas". E prometeu "devolver aos espanhóis a confiança nos políticos" até ao fim do seu mandato.

O primeiro-ministro já foi criticado pelo líder do PSOE. Pedro Sánchez acusou Rajoy de estar a reagir "tarde" e sublinhou quer "não basta pedir desculpas".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG