Presidente moldavo culpa Roménia

Vladimir Voronine diz ter provas de que Bucareste está implicada nos motins

O Presidente da Moldávia, Vladimir Voronine, afirma ter provas do envolvimento romeno nos motins que abalaram aquele país do leste europeu, situado entre a Roménia e a Ucrânia.

Falando perante a imprensa local, Voronine disse que nos motins de dia 7 participaram cidadãos romenos e “especialistas”. Segundo a sua tese, Bucareste enviou para Chisinau “estudantes que participaram nas acções de rua”. Voronine acusou também os média romenos de terem apoiado activamente os protestos. Os motins estalaram após o anúncio da vitória do Partido Comunista, liderado por Voronine, nas eleições legislativas de domingo, com 50% dos votos.
 

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG