Polícia desalojou "indignados" pela terceira noite consecutiva

A Polícia Nacional espanhola desalojou esta madrugada, pela terceira noite consecutiva, uma centena de "indignados" que se mantinham em vigília na Puerta del Sol, em Madrid.

Cerca das 04:15 locais (03:15 em Lisboa), cerca de 40 carros anti-motim entraram na praça através de três ruas e formando um círculo rodearam a estátua equestre de Carlos III onde se concentrava o restante grupo de "indignados" e obrigaram à saída dos manifestantes.

Algumas pessoas que não tinham deixado a praça sentaram-se ou deitaram-se no chão tendo sido retirados pela polícia que procedeu ainda a seis detenções por resistência à ordem das autoridades, refere a agência Efe que não aponta, no entanto, confrontos entre manifestantes e autoridades.

A ação policial de hoje é a terceira na Puerta del Sol que a polícia concretiza desde que as manifestações e concentrações foram autorizadas pelas autoridades governativas para a celebração do primeiro aniversário da criação do movimento 15M e que são permitidas apenas até às 22:00 locais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG