Papa nomeia substituto de bispo que saiu por pedofilia

O papa Bento XVI nomeou hoje um bispo para a diocese de Limerick na Irlanda para substituir Donald Murray, que se demitiu em 2009 por ter encoberto abusos sexuais de padres contra crianças.

Em comunicado, o Vaticano indicou que Bento XVI nomeou para a diocese de Limerick o reverendo Brendan Leahy, de 52 anos, professor de teologia no seminário de St. Patrick"s College de Dublin desde 2006.

O bispo Donald Murray demitiu-se em 2009 depois de ter apresentado "humildes desculpas" às vítimas do escândalo encoberto pela Igreja irlandesa.

Murray era um dos principais bispos a quem era "apontado o dedo" no relatório Murphy, que descrevia como a Igreja da Irlanda tinha encoberto os abusos sexuais cometidos por padres da região de Dublin contra centenas de crianças durante várias décadas.

Bispo de Limerick entre 1996 e 1999, Murray foi entre 1982 e 1996 bispo auxiliar de Dublin, onde muitos dos abusos sexuais foram perpetrados.

A Igreja da Irlanda, país de maioria católica, foi particularmente desacreditada pelo vasto escândalo dos padres pedófilos, divulgado nos últimos dez anos.

Bento XVI exprimiu em várias ocasiões a mais firme condenação e defendeu "tolerância zero" para estas situações.

Em junho último, o papa declarou que os religiosos pedófilos tinham "minado a credibilidade" da mensagem do Evangelho, abalando "de forma horrorosa" a fé dos crentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG