Papa conversou sobre combate à pobreza com Dilma

O Papa Francisco recebeu hoje a Presidente do Brasil, Dilma Rousseff, no Palácio Apostólico, no Vaticano, com quem conversou sobre combate à pobreza e prevenção ao uso do crack, segundo relatos da líder brasileira.

"É um papa muito modesto. Ele comentou que não se pode ter orgulho nem pretensões. Deve-se lutar para fazer as coisas direito. E lembrar sempre que tem um peso nas costas", disse Dilma Rousseff, citada pela imprensa brasileira.

A presidente do Brasil foi a primeira a ser recebida pelo novo pontífice após a missa de investidura, realizada na terça-feira, e a segunda chefe de Estado a estar com ele. Francisco almoçou com a presidente argentina, Cristina Kirchner, na segunda-feira.

Dilma Rousseff ressaltou ainda o forte carisma do novo pontífice e o seu compromisso com os mais pobres.

Ainda segundo a líder brasileira, Francisco solidarizou-se com a tragédia ocorrida em janeiro deste ano em Santa Maria, no sul do Brasil, onde um incêndio numa discoteca provocou 241 mortos.

Ambos conversaram ainda sobre a visita oficial que Francisco fará ao Brasil, em julho, quando ocorrerá a Jornada Mundial da Juventude.

Além do Rio de Janeiro, cidade-sede do evento, Francisco irá a Aparecida do Norte, no Estado de São Paulo.

Francisco entende bem o português e dispensou o uso do tradutor, segundo Dilma Rousseff.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG