Moscovo autoriza Snowden a colaborar com alemães

O governo russo não coloca qualquer entrave à colaboração de Edward Snowden com as autoridades alemãs no caso das escutas a Angela Merkel.

"O Kremlin considera que o ex-agente dos serviços secretos norte-americanos, Edward Snowden, é livre de cooperar com as autoridades policiais alemãs no caso das escutas de conversas telefónicas da chanceler alemã Angela Merkel". Esta foi a mensagem que o governo alemão recebeu ontem à noite proveniente de Moscovo.

Segundo o jornal espanhol "El Mundo", em relação à possibilidade de Snowden poder vir a colaborar com as autoridades alemãs em território germânico, a opinião russa é de que "a Alemanha é um país amigo com o qual, sempre que seja possível, desejamos facilitar qualquer tipo de colaboração".

No entanto, a deslocação de Edward Snowden à Alemanha não deverá ser possível, uma vez que este país tem um acordo de extradição com os Estados Unidos, algo que o ex-agente quer evitar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG