Milhares de manifestantes saem à rua em Espanha

Milhares de manifestantes saíram hoje à rua em Madrid e em várias cidades espanholas num protesto convocado por sindicatos e organizações cívicas contra as políticas de austeridade do Governo.

O desfile de Madrid teve 'slogans' como "sim, nós podemos", "usa a tua força" e num dos cartazes exibidos lia-se "Julgamento para os bancos, salvemos o serviço público, as pensões, as pessoas".

Professores, trabalhadores da limpeza, dos serviços sanitários e dos serviços sociais participaram no protesto da capital espanhola ao lado de dirigentes de vários sindicatos.

Os protestos serviram também para manifestar a recusa do orçamento para 2014 e da reforma das pensões apresentada pelo Governo.

A contestação ocorre dois anos após a chegada ao poder do Governo de direita liderado por Mariano Rajoy, que adotou várias medidas de austeridade e teve de recorrer a um resgate para refinanciar a banca.

Os líderes sindicais manifestaram-se preocupados com a hipótese de o Governo aprovar mais cortes nas prestações sociais para cumprir o "esforço estrutural" de 2.500 milhões de euros reclamado pela Comissão Europeia.

Cáceres, Badajoz, Bilbau, Santander e Palma de Maiorca foram alguns dos locais onde hoje se registaram concentrações de protesto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG