Kiev pronto para um cessar-fogo "bilateral" no leste

O Presidente ucraniano, Petro Porochenko, mostrou-se hoje pronto para "um cessar-fogo bilateral" no leste do país, desde que assegurado o controlo da fronteira com a Rússia, durante uma conversa telefónica com a chanceler alemã, Angela Merkel.

"O Presidente garantiu estar pronto para um cessar-fogo bilateral. Ele sublinhou, ao mesmo tempo, a necessidade de assegurar o controlo da fronteira, a fim de impedir a transferência de armas e de combatentes a partir da Rússia, bem como a libertação de todos os reféns e o lançamento de negociações", indica um comunicado da presidência ucraniana publicado a propósito da conversa telefónica, que teve lugar na noite de quinta-feira.

Segundo Kiev, Angela Merkel destacou, por seu lado, que representantes de uma missão da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE), no leste da Ucrânia, não tiveram acesso aos postos fronteiriços por causa dos combates.

Porochenko também falou ao telefone com o vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, com quem discutiu a recuperação das infraestruturas nas localidades livres de separatistas no leste da Ucrânia, de acordo com a presidência.

Biden prometeu facultar assistência a esses projetos, segundo a mesma fonte.

A presidência ucraniana também indicou ter recuperado o controlo de Siversk, uma cidade de 12 mil habitantes a 100 quilómetros a norte de Donetsk.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG